Home Nossa Paróquia

Nossa Paróquia

Com o crescimento da cidade de Maringá, Dom Jaime Luiz Coelho criou, em 18 de dezembro de 1969, a Paróquia Cristo Ressuscitado, nomeando Pe. Geraldo Schneider Pároco.
Desmembrada da Catedral, abrangia as zonas 4,5 e 6 da área urbana e, na zona rural o distrito de Floriano, as capelas de Borba Gato, Pinguinzinho e Placa Pinguim.
Em 12 de dezembro de 1992 foi criada a paróquia N. Sra. de Guadalupe, desmebrada da Paróquia Cristo Ressuscitado. As capelas de Borba Gato, Pinguinzinho e Placa Pinguim, Floriano e São Domingos passaram à nova Paróquia.
Endereço: Av. Rio Branco,1000 CEP 87015-380 Maringá-PR
Fone: (44)3224-4287
E-mail:  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Decreto de criação da Paróquia

Fazemos saber que, atendendo às necessidades espirituais dos Fiéis confiandos ao nosso cuidado Pastoral, tendo em vista a grande extensão do território da Paróquia de Nossa Senhora da Glória da Catedral, e o desenvolvimento demográfico extraordinário da referida Paróquia, usando da nossa jurisdição ordinária, de conformidade com o cânon 1427, {1º do Código de Direito Canônico:
Havemos por bem desmembrar da paróquia da Catedral de Nossa Senhora da Glória de Maringá o território que, no loteamento urbano, forma as zonas 4,5 e 6 da cidade de Maringá, e a área rural que abrange a capela do Borba Gato, o Distrito de Floriano, a capela do Pinguinzinho e a capela do KM 138, com as divisas a serem demarcadas em documento à parte.
Pelo que, pelo presente Decreto erigimos e canônicamente instituímos uma nova Paróquia nesta Diocese de Maringá, amovível, denominada Paróquia do Cristo Ressuscitado, de acordo com o cânon 454 do Código do Direito Canônico.
Concedemos à igreja em que funcionará a Matriz todos os direitos de Matrizes paroquiais, podendo ter Sacrário que conserve o Augustíssimo Sacramento do Altar, com a necessária segurança e devida decência e ornato, com lâmpada continuamente acesa, Pia Batismal, Livros de Batizados, Casamentos, Crismas e Óbitos e do Tombo e todos os demais direitos, honras e distinções de uma Igreja Paroquial, devendo os livros, como de praxe, ter as respectivas duplicatas.
Será padroeiro da nova paróquia o Cristo Ressuscitado, cuja festa litúrgica será celebrada, anualmente, com pompa e esplendor litúrgico.
Submetemos aos cuidados e jurisdição do pároco que para ela for nomeado e dos que lhe sucedecem no cargo, os fiéis habitantes no referido território e determinamos que contribuam com emolumentos devidos que lhe pertencerem por direito e pelas determinações e praxes da Diocese, para a sua honesta sustentação, bem como sejam religiosamente pontuais nas oblações e tributos devidos ao Patrimônio da Paróquia, para a sustentação do culto.
Este nosso decreto, depois de registrado no livro competente da Nossa Cúria Diocesana, será lido à estação da Missa Paroquial, em domingo ou dia festivo, na igreja ora elevada à categoria de Matriz do Cristo Ressuscitado e depois transcrito integralmente no Livro do Tombo das Paróquias da Catedral de Nossa Senhora da Glória e da Paróquia ora criada para constar.
Outrossim, mandamos que, de acordo com os documentos do Concílio Ecumênico Vaticano II, com as normas da Assembléia Episcopal Latino-Americana de Medellin, e com o Plano de Pastoral de conjunto da conferência Nacional dos Bispos do Brasil e do Regional Sul II, seja a Pastoral endereçada no sentido de uma verdadeira conscientização cristã dos Fiéis visando a cristianização da sociedade.
Dado e passado em a nossa Cúria Diocesana, nesta Episcopal cidade de Maringá, sob o nosso sinal e Selo das nossas Armas, no dia 18 de dezembro de 1969, e no 13º ano do Nosso Governo Diocesano.
Reg. às fls. 167 do Livro Competente.
Prot. nº 359